As empresas de transportes sediadas em Teresina, Shalom Tur e Primavera Serviços de Locação de Veículos, estão pedindo mais fiscalização do Tribunal de Contas do Estado em licitações realizadas por prefeituras do interior.

De acordo com as empresas, as suspeitas recaem sobre práticas idênticas que seriam praticadas nas Comissões de Licitação dos Municípios: prefeituras escondendo detalhes dos editais no site do TCE, publicação deficiente do edital, não informam a quilometragem a ser contratada, nem as rotas, muito menos os turnos e os tipos de veículos.

As licitações das prefeituras de Monte Alegre, Curralinhos, Caracol são algumas que estão sendo alvos de questionamentos por parte das empresas da capital.