Segundo matéria do Portal AZ e do Jornal Diário do Povo, apelidos “Tucano” e “Patrão” teriam recebido dinheiro do Caixa 2 da Odebrecht na eleição de 2012. Caberá à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal confirmar se os apelidos tem relação com o PSDB de Firmino Filho, a políticos de Teresina, ou se todos se referem a uma única pessoa. O total das remessas do Caixa 2 da construtora evolvida na Operação Lava Jato teria dido R$ 750 mil  na campanha de 2012.

A grana pode ter sido liberada justamente pelo interesse da Odebrecht na subdelegação da Agespisa.  CONFIRA A MATÉRIA COMPLETA do Portal AZ.

O portal também divulgou matéria informando que o ex-secretário de Finanças de Firmino Filho (2001),  Artur Carvalho, é o “primo” que aparece no depoimento de delatores da Odebrecht. CONFIRA AQUI

VEJA TAMBÉM:

VÍDEO dos R$ 250 mil de “Fifi”; Odebrecht queria pressão de Firmino Filho na Agespisa