wdiasmoro

BLOG PETISTA – O governo do Piauí ganhou nos últimos dias uma página especial no Portal 247, A PIAUÍ 247 (CONFIRA).  Com a queda do governo Dilma, o BR 247 perdeu algo em torno de R$ 123 mil mensais que eram repassados, em média, pelo governo do PT.  Confira mais na matéria de Fernando Rodrigues: Publicidade federal para mídia alternativa vai a R$ 9,2 milhões .

01-Tabela-custos-alternativos-02jul2015

A página do Piauí no 247 já tem vários patrocínios da gestão do governador Wellington Dias e as matérias são assinadas por jornalistas que trabalham para o governo do Piauí, na Coordenadoria de Comunicação.

br247piaui

O Código do Poder ainda não encontrou os valores dos pagamentos que estão sendo repassados. Pelo Portal da Transparência não é possível dizer se o dinheiro está indo direto dos cofres públicos do Estado ou através das agências de publicidades que tem contratos na Coordenadoria de Comunicação do Piauí.

BR 247 NA LAVA JATO – O Ministério Público Federal chegou a pedir a  prisão temporária do jornalista Leonardo Attuch, dono do blog Brasil 247, e requisitou o bloqueio de R$ 120 mil de contas ligadas. Segundo o MPF, o dinheiro teria vindo através do recebimento de propinas dirigidas ao ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto. O juiz Sérgio Moro negou o pedido de prisão de Leonardo Attuch. As investigações e o processo seguem em andamento.

Segundo o MPF, a editora recebeu R$ 120 mil entre setembro de dezembro de 2014 por meio da Jamp Engenheiros Associados, empresa de fachada do lobista Milton Pascowitch, “ocorrido como formas de conferir aparência de legalidade aos pagamentos de João Vaccari Neto”.