FAMÍLIA PEDIU INDENIZAÇÃO – O juiz Ítalo Márcio Gurgel de Castro, da Comarca de São Raimundo Nonato, condenou o motorista da picape S-10 que capotou em 2008 com 16 pessoas e acabou deixando quatro mortos. No dia do acidente (28/12/2008), morreram três pessoas, e a vítima autora da ação, Zeziel Gomes dos Santos, ainda estava em coma.  Seus familiares iniciaram o processo e, depois de alguns dias, Zeziel acabou não resistindo.

O motorista Antônio Valdo de Aquino Castro Silva foi condenado ao pagamento de R$ 100 mil para a família de Zeziel Gomes. Ainda cabe recursos da decisão.

Antônio Valdo perdeu a esposa no acidente, a empresária Maria de Lourdes Oliveira Castro e Silva, da Loja Castro e Silva, bastante conhecida em São Raimundo Nonato.

A S-10 levava funcionários da loja Castro e Silva para a confraternização de final de ano. A comemoração seria num balneário em São João do Piauí.

SENTENÇA AQUI NA ÍNTEGRA