FOI DESCOBERTA – O secretário de Assistência Social do Piauí, José Santana, decidiu impugnar a inscrição da estagiária da SASC, iniciais R.V.P.N, após saber que ela estava participando dos trabalhos da seleção que visa contratar dezenas de socioeducadores, dentista e educador físico, além de concorrer a uma das vagas, o que seria vedado pelo edital.

Santana garante que a estagiária não fazia parte da Comissão Organizadora, mas trabalhou nas inscrições e recebimentos dos currículos, e não poderia participar de forma alguma da disputa.

“Mesmo não fazendo parte da Comissão Organizadora do Seletivo em tela, participou diretamente do processo de inscrição, no recebimento dos currículos dos pretensos candidatos”, informa José Santana no ato de impugnação. CONFIRA AQUI