deolindorejanedias

USA R$ 3.800/MÊS DA VERBA DE GABINETE –  O vereador Deolindo Moura (PT), cuja madrinha política é a ex-secretária de Educação do Piauí, Rejane Dias, usa R$ 3.800 da sua verba de gabinete para pagar o aluguel mensal de um veículo Corolla Branco que pertence à empresa LC VEÍCULOS (antiga LOCAR TRANSPORTES), a empresa que é alvo de investigação na Polícia Federal que tem apurado o desvio de R$ 119 milhões de recursos do transporte escolar em prefeituras e dentro da própria Secretaria Estadual de Educação.

A empresa tem como sócio o empresário Luiz Carlos Magno da Silva, um dos presos pela Polícia Federal na Operação Topique. A empresa pulou de três veículos em 2013 para 138 em 2017. Por dez anos (2003 a 2013), o empresário foi filiado ao mesmo partido de Deolindo, Rejane Dias e Wellington Dias, tendo ocupado cargo comissionado na SEDUC nos anos 2008 e 2009.

Para contratar essa empresa, o vereador Deolindo apresentou pesquisa de preços de mais três empresas, sendo que outra empresa, a C2 Transporte Escolar também é alvo da mesma investigação da Polícia Federal. Seu sócio, Carlos Augusto Ribeiro Alexandrino Filho, foi um dos presos da operação.

Desde maio do ano passado (primeiro contrato), o vereador tem usado este veículo.  A documentação acessada pelo blog Código do Poder consta na prestação de contas do uso da verba de gabinete e é pública.

ABAIXO, UM TRECHO DO CONTRATO:

 

contratodeolindocorola