BANCADA DO AMÉM – Passada a campanha eleitoral, a Assembleia Legislativa do Piauí volta ao seus trabalhos normais, ou seja, pouca efetividade na fiscalação dos recursos aplicados pelo Palácio de Karnak e muitos requerimentos sendo aprovados, uns importantes, outros nem tanto.

Porém, um dos requerimentos principais que pedia a presença do secretário estadual de Educação do Piauí, Hélder Jacobina, foi rejeitado no plenário.

Vinte e dois requerimentos apresentados pelos deputados estaduais tratando de segurança, saúde e transportes, foram aprovados na sessão plenária da última terça-feira(16) da Assembleia Legislativa.

OPERAÇÃO TOPIQUE NA GESTÃO DE REJANE DIAS

Mas, os deputados rejeitaram o requerimento do deputado Robert Rios (DEM) convocando o secretário Hélder Jacobina, para falar na Alepi sobre as investigações realizadas pela Polícia Federal para apurar irregularidades na aplicação de recursos destinados ao transporte escolar através da Operação Topique.

O governador Wellington Dias garante que as investigações não atingem a gestão de sua esposa, Rejane Dias, mesmo a Polícia Federal realizando a prisão de mais de 20 pessoas, dentre elas diversas pessoas nomeadas pela ex-secretária.

Tem gente que acredita na conversa do petista.