PF cumpre mandados em Teresina em endereços ligados a Valter Rebelo

A polícia Federal cumpre mandados de busca e apreensão em Teresina na manhã desta sexta-feira(28), em endereços ligados ao advogado Valter Alencar. Os mandados fazem parte da Operação “Tris In Idem”, autorizada pelo Superior Tribunal de Justiça, que ordenou o afastamento de Wilson Witzel do cargo de governador do Rio de Janeiro.

O PSC, partido de Wilson Witzel, tem como presidente estadual no Piauí o advogado e empresário Valter Alencar.

Em abril deste ano, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), se tornou alvo de um pedido de inquérito feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) para apurar suspeitas de que o advogado piauiense Valter Alencar Rebelo (PSC)  teria nomeado funcionários fantasmas no governo do Estado para desviar recursos públicos. 

VALTER REBELO ERA ADVOGADO DO PASTOR EVERALDO (PRESO) – O pastor Everaldo, presidente nacional do PSC, também foi um dos detidos na operação. Vale lembrar que em 2018, Witzel era um dos advogados do pastor, quando o mesmo foi investigado de receber R$ 6 milhões em propinas da construtora Odebrechet. O pastor era investigado da Lava Jato no processo 0600280-83.2018.6.00.000, cujo relator era o ministro do STF Luís Roberto Barroso. Além de Witzel, os advogados Francisco de Assis Veras Fortes Neto e Valter Ferreira de Alencar Pires Rebelo também defendiam o presidente do PSC na ação.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s